Robôs podem substituir humanos na realização de rituais


Robô-pastor foi apresentado recentemente na Alemanha: leitura bíblica e gestual.

24/ 08/ 2017 - Parece ser uma questão de tempo para que autômatos substituam humanos também em rituais religiosos. Um dos grandes estaques de uma feira internacional de artigos fúnebres no Japão foi um pequeno robô-sacerdote disponível para alugar e capaz de desempenhar rituais fúnebres budistas. E semanas atrás uma igreja protestante da Alemanha apresentou ao mundo o primeiro robô-pastor.

O robô-sacerdote budista é fabricado pela empresa japonesa de robótica Nissei Eco. Além de estar vestido como um sacerdote é programado para bater um gongo no momento exato em que pede o ritual, além de ser capaz de entoar cânticos.

Com o crescente envelhecimento populacional, no Japão, país onde o budismo também tem alguns seguidores há alguma dificuldade para os monges budistas atenderem a todos os pedidos. É aí que entra o robô sacerdote, que pode ser alugado por 400 euros. Um sacerdote humano executando o mesmo ritual não sai por menos de 2.000 euros.

ROBÔ-PASTOR - Um “pastor robô”, programado para dar a benção em cinco línguas diferentes e ler trechos da Bíblia foi apresentado pela Igreja Protestante de Hesse-Nassau, na Alemanha. Ele não substituirá nenhum líder religioso, mas pretende servir como estímulo para um debate sobre o futuro da Igreja e o potencial da inteligência artificial para a fé.

Batizado de BlessU-2 (algo como “abençoo você também”) por seu criador Stephan Krebs, ele foi uma das atrações de um evento em Wittenberg que marca o aniversário de 500 anos do início da Reforma Luterana, entendido hoje como um movimento religioso, político e cultural que ajudou a moldar a Europa moderna.

“Nós queríamos que as pessoas pensassem sobre a possibilidade de serem abençoadas por uma máquina, ou se o ser humano realmente é necessário”, afirmou Krebs em entrevista ao jornal The Guardian.

A máquina possui no peito uma tela sensível ao toque, além de dois braços e uma cabeça. Os fiéis podem selecionar se preferem o robô falando alemão, inglês, francês, espanhol ou polonês, podendo optar por uma voz masculina ou uma feminina.

O robô levanta os braços, suas mãos se erguem e ele recita versos bíblicos, sempre encerrando com a frase: “Deus te abençoe e proteja”. Suas palavras podem ser impressas, caso o fiel deseje.

“A ideia é provocar o debate”, sublinha Krebs. “As pessoas demonstram curiosidade, espanto e interesse. Elas estão realmente participando, e o retorno é muito positivo. Mas dentro da Igreja, algumas pessoas pensam que pretendemos substituir os pastores pelas máquinas. Esses são nossos únicos críticos”.

Krebs e seus colegas estão coletando as respostas do público para análises futuras, mas ele não acredita que os robôs sejam a solução para a falta de sacerdotes na maioria dos países europeus.




ACEITAMOS E AGRADECEMOS SUA DOAÇÃO (QUALQUER VALOR) PARA AJUDAR A MANTER ESTE SITE SEMPRE ATUALIZADO. CLIQUE NO BOTÃO ABAIXO PARA DOAR:





Ver mais textos  Indique esta notícia para um(a) amigo(a)


  Política de privacidade do site  |  Entre em contato  |  Sobre Piracicaba  |  Sala de Imprensa  |  Criação evernet