Morre protagonista de raro caso ufológico do interior de SP


Maria Eugênia faleceu em maio, vítima de um câncer no cérebro
contra o qual lutava há alguns anos.


22/ 06/ 2014 - Uma mulher que deu nome a um dos mais impressionantes casos ufológicos já registrados no Brasil faleceu recentemente. Maria Eugênia (o sobrenome será omitido a pedido da família) ficou conhecida no Brasil e no exterior por ter vivenciado uma tentativa de abdução por ETs na região de Piracicaba, no interior paulista.

A notícia do falecimento de Maria Eugênia (foto acima) chegou ao conhecimento do esotérico Professor Michel somente final da tarde de hoje, através de outra protagonista do mesmo episódio, Creuza Delbage Rossi. Professor Michel estava entre os ufólogos que pesquisaram o caso, na época em que presidia o Grupo Ufo-Gênesis de Pesquisas Ufológicas.

O "Caso Maria Eugênia" repercutiu em todo o Brasil e também em outros países, pois seria o único caso brasileiro, documentado, de alguém que conseguiu impedir que uma tentativa de sequestro por ETs se concretizasse. O incidente ficou conhecido entre os ufólogos como "Caso Maria Eugênia" e foi citado num livro sobre regressões hipnóticas em Ufologia.

Creuza Delbage Rossi conseguiu impedir que sua amiga Maria Eugênia fosse abduzida por extraterrestres, quando estes aproximaram sua nave do veículo ocupado por elas. O incidente aconteceu na madrugada de 18/12/1999, no trecho da rodovia Piracicaba-São Pedro (SP-304) quase à entrada de Ártemis, distrito da cidade de Piracicaba.

O Grupo Ufo-Gênesis de Piracicaba, foi procurado pelas mulheres no mesmo dia. Duas sessões de regressão hipnótica confirmam que a experiência realmente aconteceu e apavorou as vítimas. Os ufólogos estimam o tamanho do disco voador em cerca de 30 metros de diâmetro.

O "Caso Maria Eugênia" foi tema de um dos capítulos do livro Sequestros Alienígenas - Investigando Ufologia Com e Sem Hipnose, (capa ao lado) de autoria do pesquisador e hipnólogo Mário Rangel. Foi ele quem conduziu a sessão de hipnose com Maria Eugênia e Creuza Rossi.

O esotérico Professor Michel lamentou a morte de Maria Eugênia e elogiou a maneira como ela colaborou com as pesquisas dos ufólogos sobre seu caso. "Uma das coisas que mais me chamaram a atenção em Maria Eugênia é que, mesmo sendo evangélica, ela teve mente aberta para lidar com tudo aquilo. Permitiu até que nós procurássemos ajuda psicológica para ela, que ficou muito abalada com tudo o que ocorreu em 1999. Poucas pessoas que protagonizam casos parecidos se dispõem a colaborar com os ufólogos como Maria Eugênia fez".

Conheça tudo sobre o "Caso Maria Eugênia" aqui: http://zip.net/bynPgZ

Baixe grátis o novo aplicativo do Esotérico Professor Michel no seu celular. Utilize o endereço http://app.vc/esoterico_prof._michel no navegador de seu smartphone ou fotografe o código ao lado com um aplicativo leitor de códigos QR.





https://www.facebook.com/EsotericoProfessorMichel


Ver mais textos  Indique esta notícia para um(a) amigo(a)


  Política de privacidade do site  |  Entre em contato  |  Sobre Piracicaba  |  Sala de Imprensa  |  Criação evernet