Justiça de SP confirma condenação de líder da Igreja da Maconha

28/ 01/ 2014 - O TJ (Tribunal de Justiça) de São Paulo manteve, em julgamento finalizado na tarde de hoje (28), a sentença que condenou a 14 anos, dois meses e 20 dias de prisão Geraldo Antonio Baptista, o Rás Geraldinho Rastafári, 53, líder da Primeira Igreja Niubingui Etíope Coptic de Sião do Brasil, conhecida como "igreja da maconha", com sede em Americana (a 125 km de São Paulo).

Geraldinho foi condenado por tráfico de drogas em 13 de maio de 2013, com pena ampliada por participação de menor, além de associação para o tráfico.

De acordo com o repórter Eduardo Schiavoni, do jornal Folha de S. Paulo, a Justiça também manteve a decisão que apreendeu judicialmente o imóvel que é sede da igreja, em Americana.






https://www.facebook.com/EsotericoProfessorMichel

ACEITAMOS E AGRADECEMOS SUA DOAÇÃO (QUALQUER VALOR) PARA AJUDAR A MANTER ESTE SITE SEMPRE ATUALIZADO. CLIQUE NO BOTÃO ABAIXO PARA DOAR:





Ver mais textos  Indique esta notícia para um(a) amigo(a)


  Política de privacidade do site  |  Entre em contato  |  Sobre Piracicaba  |  Sala de Imprensa  |  Criação evernet